Suas Notícias
ÍNDICE


COLUNISTAS
Jussara Gottlieb
Social
Cândido Ocampo
Auditoria no novo Código
Kátia Alves
Pragas urbanas
Wilson Santos
Trânsito Brasil
Marcelinho
Blog do Marcelinho
Pedro Marinho
Blog do Pedro Marinho
Katia Alves
Publicada em 19/05/2011 às 11h36
Limão

    Uma limonada gelada é uma delícia e todos gostam e além do mais, aquele ácido que a fruta possui ajuda muito a prevenir e tratar vários problemas que temos com a saúde. Ele é também um desintoxicaste sanguíneo, e tanto o limão em si como chá de limão têm um efeito limpador do corpo ao remover as toxinas contidas nele. Estas toxinas podem fazer que o organismo decaia e que contraia doenças.
     Finalmente, vale dizer que o chá de limão é um digestivo formidável ao exercer um efeito relaxante no estômago, permitindo-lhe trabalhar com maior comodidade e sem espasmos que prejudiquem a digestão de alimentos. Trata-se também de um anti-séptico muito efetivo, pois seu antioxidantes têm propriedades anti-bacteriais e antivirais. A concentração de acido cítrico ocorre em qualquer uma das variedades. Ou seja, não importa se ele é o limão verdadeiro que é o siciliano, se ele é o rústico como é o caso dos limões cravos, rosa, se ele é o lemão enxertado como é o caso do tahiti ou se é o limão galego. Este teor de 6%, considerando o mais elevado de todas as frutas, o diferencia das demais frutas cítricas, porque as laranjas, tangerinas e pomelos, apesar de serem frutas cítricas, apresentam na composição média de 0,6% de acido cítrico e citratos. Ou seja, cerca de 10 vezes menos que seu especial colega de classe, o limão.
  Terapeuticamente falando, o acido cítrico é um acido orgânico e tricarboxílico que, dentro da química do organismo humano, é um agente tamponante e alcalinizante, ou seja, ele tem o poder de estabilizar uma condição levemente alcalina em todos os líquido corporais, seja no sangue, na linfa, no liquido Crânio-sacral ou nos líquido intra e extracelulares. E, o que é mais importante, esse estabilização levemente alcalina dos líquido corporais, que é um pH entre 7,36 a 7,42 é metabolicamente falando, a condição ideal para todos os processos orgânicos acontecem da forma mais equilibrada e harmônica. Ou seja saúde, preservação e prevenção. O limão tem poder de realizar uma reengenharia da qualidade hídrica de todo o organismo, beneficiando assim o cérebro, pulmões, rins, sistema linfático, imunológico, sistema nervoso, intestinos, fígado; enfim, todos os sistemas e órgãos vitais.
  Assim, a partir do momento em que ingerimos o suco do limão, seja ele puro ou na composição com outro alimento cru ou cozidos, inicia-se um processo de facilitação de alcalinização de todos os processos metabólicos.
  Portanto, desfazendo enganos já muito arraigados entre todos nós, inclusive entre médicos e nutricionistas, o limão só pode ser reconhecido como um alimento acido até o momento de ser ingerido, pois após sua ingestão, puro ou composto com outros, alimentos, ele funcionará como agente alcalinizante, condição esta que será tão mais constante, quando mais diário em metódico for o consumo do limão via alimentação. Pois, o acido cítrico irá se combinar com sais minerais livres (biodisponiveis) à base de cálcio, magnésio e ferro, formando os respectivos citratos salinos, que conferirão o desejo Ph ideal que é levemente alcalino. Tal fenômeno explica uma outra  importante propriedade terapêutica do limão, que é a de ser um agente de fixação de sais minerais.   
     Limão é tudo de bom, mais temos que tomar o cuidado na hora de ir ao restaurante e consumir aquela fatia de limão, quando o cardápio e peixe ou na hora de tomar aquela caipirinha com limão e coca cola.
    Uma microbiologista de New Jersey, nos Estados Unidos, Analisou o limão servido em 21 restaurantes. E sete em cada dez fatias de limão estavam contaminadas por 25 tipos de bactérias, inclusive por coliformes fecais, que são aqueles germes encontrados nas fezes. Na casca do limão podem aparecer também bactérias de saliva e de secreção do nariz, que podem causar uma série de doenças.
 
 
Kátia Alves da Silva é Bióloga Pós-Graduada em Gestão Ambiental

MAIS NOTÍCIAS
04/04/2014Doenças relacionadas às enchentes
01/04/2014Doenças relacionadas as enchentes - Kátia Alves
06/08/2013Pragas urbanas
01/04/2013Morcegos
12/09/2012Carbono
02/09/2012Dia do Biólogo
14/08/2012Sanguessugas
19/07/2012Baba de caracol
11/11/2011Leptospirose
14/10/2011Biossegurança
29/07/2011Árvore, carvalho
24/06/2011Efeito estufa
06/06/2011Meio ambiente
06/06/2011Meio ambiente
06/06/2011Meio ambiente
04/06/2011Libélula
19/05/2011Limão
13/05/2011Enfermeiro
25/04/2011As minhocas
13/04/2011Leptospirose
06/04/2011Cigarro, o vilão
23/03/2011De remédio a veneno
15/03/2011Aranha Caranguejeira
08/03/2011Perigo em ambiente climatizado
22/02/2011Biodiversidade ameaçada
15/02/2011Cimento e poluição
02/02/2011Chuva ácida
17/01/2011Chuvas e doenças
06/01/2011Sucuri
28/12/2010FcAwuDFeywqV
17/12/2010Aranha Caranguejeira
08/12/2010Chuva ácida
22/11/2010Os jovens e as drogas
11/11/2010Poluição dos rios
09/11/2010Ibama fiscaliza madeireira no distrito do Pacarana
03/11/2010Resíduo hospitalar
28/10/2010O Carrapato
20/10/2010Insuficiência renal e hemodiálise
13/10/2010Árvores do Brasil
04/10/2010Chuva ácida
23/09/2010Mosca
15/09/2010Plantas medicinais
08/09/2010Polinização
31/08/2010Profissão biólogo
25/08/2010Afogamento
20/08/2010Queimadas e poluição
10/08/2010Água de lastro
27/07/2010Desenvolvimento Sustentável
21/07/2010Samaúma
14/07/2010Cobra peçonhenta e não peçonhenta
07/07/2010Formigas (I)
07/07/2010Formigas (I)
29/06/2010A Cigarra
23/06/2010As vacinas
16/06/2010Formigas
16/06/2010Formigas
16/06/2010Formigas
07/06/2010Doença de Chagas
31/05/2010Ameaça à Amazônia
24/05/2010Afogamento
18/05/2010Urubu
05/05/2010Barata
05/05/2010Barata
22/04/2010Prática esportiva ou tortura?
15/04/2010Sapo, rã e perereca
05/04/2010AGROTÓXICOS


WWW.SUASNOTICIAS.COM.BR
© 2010 - Todos os direitos reservados a SUASNOTICIAS