Neymar e Thiago Silva em Lisboa para a final da Champions League pelo PSG © Getty Neymar e Thiago Silva em Lisboa para a final da Champions League pelo PSG

O Paris Saint-Germain está a horas do jogo mais importante de seus 50 anos de história: a final da Champions League contra o Bayern de Munique, no próximo domingo, às 16h (de Brasília), no Estádio da Luz, em Lisboa.

A trajetória da equipe francesa na atual edição tem a "benção" de Neymar, o camisa 10, maior contratação da história do futebol. O brasileiro é quem está se destacando dentro e principalmente fora de campo, de acordo com o jornal Le Parisien.

O repórter Dominique Sévérac, presente à capital portuguesa, revelou que o craque é o responsável por unificar o elenco em busca do tão sonhado título europeu.

"No privado, o número 10 se comporta como uma anti-estrela. (...) Ele não se beneficia de qualquer privilégio e não pede por isso, aliás. Se os companheiros de time gostam tanto dele, é porque ele está aberto a tudo. Ele não fala de si mesmo, não incomoda, oferecendo um lado mais brilhante de sua personalidade e longe de atitudes antigas, como um Zlatan Ibrahimovic sendo capaz de castrar seus parceiros", diz a reportagem.

Médias por jogo consideram quatro competições de 2019/20: Champions League, Francês, Copa da França e Copa da Liga Francesa © Fornecido por ESPN

Médias por jogo consideram quatro competições de 2019/20: Champions League, Francês, Copa da França e Copa da Liga Francesa

O jornalista conta sobre a celebração pela vitória por 3 a 0 diante do RB Leipzig, com Neymar comandando a festa no ônibus e já no hotel com as músicas saindo de seu celular "escoltado" por Kimpembe, Eric Maxim-Choupo Moting, Marquinhos, Ander Herrera, Keylor Navas e Pablo Sarabia.

Agora, o brasileiro tem sua grande missão guardada para domingo: levar o PSG, que o contratou em 2017, ao inédito título.